Ao Cair da Noite

Para quem reclama da obviedade na construção das cenas em filmes de horror atuais, precisa voltar os olhos para as produções independentes com urgência.

Em seu segundo longa o diretor Trey Edward Shults do belíssimo (Krisha, 2015), nos apresenta a um mundo pós-apocalíptico ou não onde a maioria das pessoas foi infectada por um vírus altamente contagioso e letal, todos brigam para sobreviver e nesse meio está a família de Paul (Edgerton) sua esposa Sarah (Karmen Ejogo) e o filhoTravis (Kelvin Harrisson Jr) que vivem numa casa escura sob rigorosas condições de segurança impostas por Paul. A chegada de uma nova família irá abalar a rotina de Paul e trazer uma ameaça.

Ao Cair da Noite faz parte de uma remessa de filmes que não fazem muito sucesso com o público em geral por culpa de uma jogada de marketing errônea que os vendem como terror explícito quando na verdade são implícitos, mas que possuem uma crítica ao ser humano “civilizado” diante de situações nada corriqueiras onde mostram sua verdadeira faceta de predador.

A atmosfera do filme é extremamente angustiante pois mescla uma trilha sonora densa em conjunto de uma fotografia que privilegia o contorno do rosto, quase que deixando todo o resto escuro, é visível que o filme provém de um baixo orçamento e esse é um dos casos onde a inventividade do diretor é evidente para contornar esses problemas.

Quem espera um terror expositivo irá se decepcionar, mas o filme tem muito a oferecer principalmente por não facilitar nas pistas e deixa o expectador construir sua própria versão dos fatos. Ao final, Ao Cair da Noite mostra que nada é de fato conclusivo e que para sobreviver precisamos prosseguir e nos tornar cada vez mais biônicos.

8/10

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s